COMO MONTAR A MALA DE MATERNIDADE IDEAL


O ideal é deixar a mala pronta no início do oitavo mês (Foto: 123RF)

Quando o bebê está prestes a nascer, é comum surgir aquela dúvida sobre o que levar na mala de maternidade. Será que é preciso levar fraldas? Quantas mudas de roupas o bebê vai precisar? E quanto às suas roupas? O primeiro passo para montar uma mala ideal é seguir as indicações da maternidade onde será o parto. Algumas instituições pedem que você traga as fraldas de casa, por exemplo. A época do ano em que o seu filho vai nascer também conta, pois se for no inverno, vale a pena incluir toucas no enxoval. Não se esqueça, ainda, de lavar e passar tudo com antecedência (sabão neutro basta) e deixar a mala pronta já no oitavo mês. De modo geral, a lista básica contém os itens a seguir.

Para o bebê, leve:
6 conjuntos de pagão ou body;
1 cobertor de algodão;
1 xale de linha ou lã;
6 macacões RN, com abotoamento frontal;
2 casacos de lã (evitar lã felpuda ou sintética);
6 calças com pezinho (“mijão”);
Fraldas de tecido;
Estojo de pente e escova para recém-nascido.

Para você, leve:
Camisolas com abertura na frente ou pijamas;
Penhoar;
Sutiãs de amamentação de algodão (evite rendas e costuras internas);
Absorvente para os seios;
Produtos de higiene pessoal (geralmente, o hospital fornece o absorvente higiênico).

Fonte: Hospital e Maternidade São Luiz (SP)

E que tal escolher as roupinhas do bebê de acordo com o significado das cores? Dá uma olhada na galeria de macacões lindos para meninas e meninos que nós selecionamos, e nas coisas boas que cada um deles pode trazer ao seu baby!
Amarelo simboliza a alegria do bebê, recebendo-o com sorte e prosperidade;
Azul indica tranquilidade e equilíbrio – essa serve para os bebês agitados na barriga da mamãe, não é?;
Branco é a cor da paz e da pureza;
Cinza está entre preto e branco, certo? Então, a cor simboliza flexibilidade e equilíbrio;
Lilás traz espiritualidade, purificação e transformação;
Vermelho protege o bebê e é também o tom do amor e da força. Pode ser usado na saída da maternidade;
Rosa é a cor da beleza e do romantismo, que está entre o vermelho e o branco;
E verde representa a serenidade e a esperança desejadas ao bebê.

por Natália Folloni